Garota de 15 anos era mantida em cativeiro e espancada o acusado foi preso

Neuza Brizola

A Polícia Civil do Prad, sob o comando do delegado Kleber Gonçalves, prendeu na manhã desta terça-feira (19), na Rua Macapá, na cidade do Prado, Leandro Valenzuela Chaves –   vulgo “Pocazoi”,  acusado de agredir a sua companheira de apenas 15 anos.

Assim que tomou conhecimento que uma mulher estava sendo agredida, investigadores do S.I. da delegacia do Prado, se deslocaram até a casa onde Poca Zoi morava com a adolescente e a mantinha em cárcere privado.

Quando os investigadores chegaram ao local avistaram o acusado tentando fugir pela janela, mas foi contido por um dos investigadores. O portão estava fechado, foi preciso a polícia quebrar o cadeado para poder entrar na casa onde Poca Zói mantinha a companheira  prisioneira, que ela saísse para pedir socorro.

Ao entra na casa ficou constatado as agressões sofridas pela adolescente NCM, de 15anos, ela foi agredida com socos pelo acusado.

Leandro Pocazói foi encaminhado à delegacia da Polícia Civil e autuado em flagrante delito, de acordo com o artigo 129 parágrafo 9º c/c o artigo 7º,  I da Lei 11.340.

Também ficou constatado que existia seis inquéritos policiais contra Leandro Pocazoi, todos por furto, sendo que desses seis, Leandro assumiu a autoria de quatro deles, sendo que dois ele imputou a seus comparsas que vinham atuando com ele, mas dizendo ele que nesses dois crimes ele não participou.

Os furtos foram de duas motocicletas, já recuperadas, materiais de limpeza, de consumo e vestuários, parte deles também  já recuperados.

Poca Zói, depois de ouvido, foi encaminhado para a carceragem da Delegacia Territorial de Teixeira de Freitas onde ficará detido a disposição da justiça.

Fonte/bahiaextremosul

Facebook Comments


This will close in 20 seconds